Bail

série de performances / performance series; 2012-2018

Bail são um conjunto de ações feita com skate, envolvendo outros objetos e a arquitetura dos locais que elas são realizadas. São projetos pensados para causar uma queda do próprio proponente e de outro objeto ou elemento arquitetônico ao mesmo tempo / Bail are a series of actions made with skateboard, involving other objects and the architecture of the places they are made. These are projects designed to cause a fall of the proponent himself and another object, or architectural elemento, at the same time

Bail 4 - 2018

Uma parede expositiva bloqueia a entrada do museu, está atada a uma corda que passa por roldanas fixadas no chão, a corda se estende para fora do museu, uma rampa é posicionada na área externa. A performance se inicia quando me prendo na corda, subo no skate vou em direção a rampa e me projeto no ar, no momento que estiver no ar a corda estica me puxa para trás e me derruba ao mesmo tempo que derruba a parede que bloqueia a entrada do museu, destruindo ela por completo.

---------------------------------------

An exhibition wall blocks the entrance to the museum, it is attached to a rope that passes through pulleys fixed to the floor, the rope extends outside of the museum where a ramp is positioned. The performance starts when I fix the rope on myself, get on the skateboard, go towards the ramp and project myself into the air, in the moment I'm on the air the rope stretches, pulls me backwards and knocks me down at the same time as it knocks down the wall that blocks the entrance to the museum, destroying it completely.

Bail 3 - 2012

Uma coluna falsa é construída em uma sala imitando as colunas preexistente no local, uma rampa é posicionada em uma das paredes da sala próxima da coluna falsa. A ação se inicia quando eu me prendo em uma corda que está amarrada na coluna falsa e me projeto com o skate em direção a rampa, dando uma volta a coluna, até que a corda estica, derrubando a mim e a coluna.

--------------------------------------

A false column is built in a room imitating the existing columns in place, a ramp is positioned on one of the walls of the room next to the false column. The action starts when I attach myself to a rope that is tied to the false column and project myself with the skateboard towards the ramp, going around the column, until the rope stretches, knocking me and the column down.

Bail 2 - 2012

Em uma sala é posicionado uma escada de madeira que segura uma pintura que retrata o horizonte no mar, no lado de fora da sala é posicionada uma rampa. A ação se inicia quando prendo em mim uma corda que está fixada na escada, e me dirijo, com um skate, em direção a rampa, que está do lado do prédio, ao mesmo tempo em que me projeto na rampa, a corda que está amarrada na escada estica, derrubando a escada, a pintura, e a mim

----------------------------------------

In a room a wooden ladder is placed that holds a painting that portrays the horizon at sea, a ramp is positioned outside the room. The action starts when I attach a rope to me that is fixed to the stairs and I move, with a skateboard, towards the ramp, which is on the side of the building, at the same time that I project myself on the ramp, the rope that is tied on the ladder stretches, knocking down the ladder, the painting, and me

Bail 1 - 2012
Ação em que me prendo em uma corda que está fixada em um muro de concreto com uma frase escrita com spray: “em uma sociedade que aboliu todo tipo de aventura a única aventura que sobrou é abolir esta mesma sociedade”. A ação se inicia quando vou, com um skate, em direção a uma rampa de ferro encostada na parede, ao mesmo tempo que me projeto na parede através da rampa, a corda que está amarrada no muro, com a escrita em spray estica, 
derrubando a mim e ao muro.

------------------------------------------------------

An action in which I attach myself to a rope that is fixed to a concrete wall with a phrase written with spray: "in a society that abolished all types of adventure, the only adventure left is to abolish this same society". The action starts when I go, with a skateboard, towards an iron ramp leaning against the wall, at the same time that I project myself on the wall through the ramp, the rope that is tied to the wall, with the spray script stretched out,
knocking me and the wall down.